top of page

Saiba Mais sobre o Protocolo GHG

Desenvolvido pelo World Resources Institute (WRI) e pelo World Business Council for Sustainable Development (WBCSD), o protocolo estabelece as bases para empresas e organizações quantificarem suas pegadas de carbono. Vamos explorar alguns dos elementos essenciais deste protocolo vital para a sustentabilidade.



Origens:


O protocolo foi lançado em 1998 como uma resposta à crescente preocupação com as emissões de GEE e seu papel no aquecimento global. Desde então, tornou-se uma referência inestimável para empresas, organizações e governos que buscam adotar práticas sustentáveis e mensurar seu impacto ambiental.


O WRI e o WBCSD uniram forças para criar um conjunto de diretrizes que não apenas considera as emissões diretas, mas também as emissões indiretas e aquelas associadas a atividades ao longo da cadeia de suprimentos.


Estrutura e Evolução:


Ao longo dos anos, o Protocolo GHG passou por atualizações e refinamentos para se manter alinhado com os avanços na compreensão científica das mudanças climáticas e nas práticas de sustentabilidade. Sua estrutura, com escopos distintos para as diferentes fontes de emissões, proporciona uma visão clara e abrangente da pegada de carbono de uma organização.


Adoção Global:


O Protocolo GHG não é apenas uma ferramenta técnica; é um catalisador para a mudança em direção a práticas mais sustentáveis. Sua adoção global é testemunho da sua eficácia e importância na busca por soluções climáticas. Empresas líderes, governos e organizações não-governamentais em todo o mundo confiam no protocolo para orientar seus esforços de redução de emissões e gestão ambiental.


Como Empresas Brasileiras Estão Adotando o Protocolo GHG:


  1. Auditorias e Certificações:

Muitas empresas brasileiras estão optando por auditorias independentes para validar suas emissões de gases de efeito estufa, proporcionando transparência e credibilidade aos seus esforços de sustentabilidade.

  1. Compromissos Ambientais:

Algumas organizações têm adotado o Protocolo GHG como parte de seus compromissos ambientais, estabelecendo metas específicas de redução e implementando ações para alcançá-las.


Conclusão:


O Protocolo GHG fornece uma base sólida para organizações mensurarem e gerenciarem suas emissões de GEE. Ao seguir os princípios fundamentais e adotar práticas consistentes de cálculo, as empresas podem não apenas entender sua pegada de carbono, mas também implementar estratégias para reduzir seu impacto ambiental e promover a sustentabilidade a longo prazo.

Comments


Conheça a Descarbonize

A Descarbonize foi criada para calcular, compensar e educar as empresas a diminuírem suas emissões de carbono, tornando-as mais sustentáveis no seu dia a dia.

Saiba mais em:
www.descarbonize.com

  • LinkedIn
  • Instagram
bottom of page